10 SET

Você sabia que cães e gatos também fazem acupuntura?

Fisioanimal

Saiba como a acupuntura melhora a qualidade de vida do seu pet

 

Dra. Maira Formeton, Médica Veterinária Fisiatra da Fisioanimal.

 

A acupuntura veterinária segue a mesma linha de objetivos traçados pela acupuntura em humanos, resgatar o máximo da qualidade de vida do pet. Ela é um dos principais métodos terapêuticos na busca por um equilíbrio maior do corpo.

A palavra acupuntura vem de acus: agulha e punctura: punção. Além das punções, também é possível associar outras técnicas ao tratamento, como a aplicação de calor, correntes elétricas e pressão.

A técnica é, em resumo, a inserção de agulhas em locais pré-estabelecidos para produzir diversos efeitos fisiológicos locais e sistêmicos. Atualmente existem 112 pontos catalogados para pequenos animais (cães e gatos, por exemplo), sendo que a estimulação de certos pontos ou a combinação deles pode produzir diferentes efeitos sobre o órgão ou doença a ser tratada.

 

Como funciona?

 

A acupuntura veterinária tem o objetivo de ajudar o corpo a se curar, ela age melhorando a circulação sanguínea, estimulando o funcionamento do sistema nervoso e promovendo a liberação de substâncias analgésicas e anti-inflamatórias pelo organismo.

 

Para que serve?

 

Combinando técnicas de acupuntura conseguimos alcançar o controle da dor de maneira mais rápida e eficaz que apenas na fisioterapia. A combinação dos dois é muito comum e benéfica para a qualidade de vida do pet. Além disso, pode atuar como um tratamento complementar em doenças crônicas, como câncer, insuficiência renal, tratamentos de problemas de pele e doenças auto imunes, geriatria, problemas endócrinos e diversos outros. Ajuda a reduzir o uso de medicações e a trazer qualidade de vida para pacientes em cuidados paliativos.

 

Indicações

  • A acupuntura é indicada em casos ortopédicos ou neurológicos desde o começo do tratamento, por exemplo: displasia coxofemoral e de cotovelo, luxação de patela, artroses, hérnias de disco, problemas de coluna, estenose lombo-sacra e mielopatia degenerativa.
  • Alívio de doenças neuromusculares, inclusive sequelas de cinomose (pode ajudar muito no controle de mioclonias e convulsões);
  • Câncer;
  • Controle de dores agudas e crônicas (em que se realiza a sessão de acupuntura até 24h antes da fisioterapia para facilitar o trabalho físico);
  • Controle de inflamação aguda e crônica (indicado como coadjuvante no tratamento de artrites e artroses);
  • Dermatite acral por lambedura;
  • Distúrbios respiratórios;
  • Distúrbios digestivos;
  • Epilepsia;
  • Incontinência urinária;
  • Paralisias e paresias de membros anteriores e posteriores;
  • Problemas comportamentais, como ansiedade de separação;
  • Problemas de coluna como hérnias de disco cervicais, torácicas e lombares (em que a recuperação neurálgica e o controle da dor são essenciais);
  • Vestibulopatias periféricas e centrais;
  • Dor neuropática e lesão de nervo periférico.

 

Tem algum efeito colateral?

 

A acupuntura não causa dor e não possui efeitos colaterais, alguns animais que sejam mais sensíveis podem sentir um desconforto leve e passageiro. Pode causar sonolência e relaxamento do animal, que por muitas vezes é até desejado.

 

Quantas sessões o pet precisa fazer?

 

A quantidade de sessões podem variar de acordo com o problema do pet. Problemas crônicos geralmente precisam de mais sessões que os agudos. No início essas sessões costumam ser semanais, mas conforme o progresso do paciente podem se tornar mais espaçadas. Em casos crônicos os animais podem precisar de sessões esporádicas de manutenção.

 

Recomendações

 

Recomenda-se não realizar a sessão de acupuntura juntamente com a de fisioterapia. Além do tempo prolongado de sessão, que pode deixar alguns animais impacientes, algumas técnicas podem se opor a esta por serem realizadas no mesmo local, o melhor é alternar os dias de tratamento.

 

Ainda tem alguma dúvida sobre esse tratamento? Agende uma consulta aqui na Fisioanimal.

...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *